Menu!

quarta-feira, 24 de março de 2010

O único animal


O homem é o único animal que ri dos outros, o homem é o único animal que passa por outro e finge que não vê. É o único que fala mais que o papagaio. É o único que gosta de escargots (fora, claro o escargot). É o único que acha que Deus é parecido com ele. E é o único que se veste , que veste os outros, que despe os outros, que faz o que gosta escondido, que muda a cor quando se envergonha, que se senta e cruza as pernas, que sabe que vai morrer, que pensa que é eterno, que não tem uma linguagem comum a toda a espécie, que se tosa voluntariamente, que lucra com os ovos dos outros, que pensa que é anfíbio e morre afogado, que tem bichos, que joga no bicho, que aposta nos outros, que compra antenas, que se compara com os outros. O homem não é o único animal que alimenta e cuida das suas crias, mas é o único que depois usa isso para fazer chantagem emocional. Não é o único que mata,mas é o único que vende a pele. Não é o único que mata mas é o único que manda matar. E não é o único que voa, mas é o único que paga por isso, que constrói casa, mas é o único que precisa de fechadura, não é o único que contrói casa, mas é o único que passa quinze anos pagando, que foge dos outros, mas é o único que chama isso de retirada estratégica, que trai, polui e aterroriza , mas é o único que justifica, que engole sapo, mas é o único que não faz isso pelo valor nutritivo.
Luis Fernando Verissimo

5 comentários:

  1. Muito interessante este texto do Verissimo..

    ResponderExcluir
  2. dei risada do texto x:
    Desculpa a demora, eu tô tão distante de tudo ultimamente ): beijos

    ResponderExcluir
  3. Esse texto é maravilhoso!
    Lindoo , lindo!

    bjo

    ResponderExcluir